Os créditos com ASNEF rápidos para refinanciarse? Não, obrigado

Frustração, movimentos, pressão… são algumas das sensações que podemos experimentar quando temos uma emergência financeira e estamos em um arquivo de inadimplentes por ter dívidas pendentes. As opções de obter liquidez com inadimplência foram praticamente inexistentes até há poucos anos, já que o perfil do candidato deste tipo de financiamento, implica um risco que nenhum banco tem estado nem está disposto a assumir. O aparecimento no mercado financeiro nacional, os credores privados durante a crise levou a que possamos obter créditos com ASNEF rápidos, já que algumas entidades deste tipo sim os concedem. No entanto, qual é o melhor uso que podemos dar a um empréstimo com ASNEF instantaneamente?
A melhor utilidade para os empréstimos com ASNEF instantânea
Dentro de créditos com ASNEF rápidos, a oferta é muito mais ampla do que outro tipo de créditos para pessoas com dívidas pendentes nos oferecem. Estes empréstimos com ASNEF instantaneamente nos permitem obter taxas reduzidas são os requisitos mais flexíveis e em pouco espaço de tempo. De fato, os créditos com ASNEF rápidos que podemos ver a seguir nos permitem desfrutar de liquidez em um quarto de hora:
Credor Quantidade máx. Custo de 100 € a 30 dias Me interessa

Kredito24 750 € 35 €

Solicitar

Cashper 500 € 38 €

Solicitar

Dineo 500 € 28 €

Solicitar
Não obstante, se já, por si só, devemos ser responsáveis na hora de contratar mini créditos, mais ainda devemos sê-lo com os créditos com ASNEF rápidos. Como costumamos dizer, a melhor forma de sair de uma lista de inadimplentes é não ter entrado nunca. O melhor que podemos fazer se temos um crédito com inadimplência rápido é quitar a dívida que temos pendente de pagamento e reembolsar o empréstimo rápido com ASNEF de acordo com o pactuado no contrato.
Não pagar os créditos rápidos com inadimplência tem graves consequências
No caso de que nos concedam financiamento com dívidas pendentes, devemos nos certificar de que poderemos reembolsarla de acordo com o acordado no contrato. Se, pelo contrário, não pagamos a tempo nossos créditos com ASNEF rápidos podemos encontrar uma ou várias conseqüências como estas:
Juros por atraso, que serão aplicados sobre os gerais dos empréstimos com ASNEF instantaneamente e que vão acabar encarecendo muito o valor total do produto.
Comissão de reclamação por posição devedora, que consiste em que o credor nos cobrará uma quantidade entre 20 e 40 € por cada reivindicação do pagamento do nosso crédito rápido com ASNEF que nos faça.
Nova inclusão em uma lista de inadimplência, pelo que as nossas opções de créditos com ASNEF rápidos serão ainda mais reduzidas do que antes.
Inclusive, se o calote continua alargándose no tempo, podemos acabar imersos em um processo judicial. O credor pode recorrer a esta via para reclamar o pagamento da dívida e dos juros que se tenham apurado até esta data, a qual poderíamos acabar adicionando os custos do julgamento se perder. Uma boa solução para evitar esses problemas com os créditos com ASNEF rápidos é contratar prorrogações antes de expirar o prazo, o que é uma opção que vários credores nos trarão.

Deixe um comentário