Os brasileiros perdem uma média de 3000 euros por ano por más decisões financeiras

Ontem apresentamos em Dinaru nosso relatório “Más decisões financeiras das famílias espanholas: como evitá-las”.
O objetivo fundamental deste trabalho é alertar sobre os problemas financeiros e oferecer dicas aos consumidores para solucioná-los.
No relatório, analisamos o que leva as famílias espanholas a tomar essas decisões e como as mesmas afetam muito negativamente a sua economia doméstica.
“3029”]
De nosso estudo resulta, entre outras coisas, que cada português perde em média cerca de 3.000€ por ano por causa de más decisões financeiras, sobre todos estes 3 campos:
Tarifas bancárias: Por ano, cada um de nós perde cerca de 200€ em comissões bancárias. Há que se destacar que cerca de 125€ a este valor são por serviços básicos como a manutenção de contas e cartões.
Cobrança indevida: Baseada em estudos realizados nos estados unidos.EUA, já que em Portugal não há dados a respeito, observamos que cada português perde por ano cerca de 120€ em cobrança indevida. A maioria são produzidos por renovações automáticas de um produto ou serviço, compras involuntárias ou taxas ocultas.
Descontos mal utilizados: A maioria do dinheiro que perdemos os brasileiros devido a más decisões financeiras sobre tudo se encontra em descontos mal utilizados, uma quantidade de 2.500€. Isto se deve principalmente a uma essas 4 razões:
Descontos que acabou caducando.
Descontos que não são usadas por esquecimento.
Descontos difíceis de usar.
Desconhecimento da existência destes descontos.
Além disso, os dados sobre estas más decisões financeiras dos brasileiros também adicionamos no relatório dicas e recomendações para evitá-los.
Você pode ver o relatório completo abaixo:
Relatório más decisões financeiras from Dinaru_ES
Mesa Redonda: Más Decisões Financeiras e como evitá-las
Após a apresentação do relatório, teve lugar a mesa redonda “Más Decisões Financeiras e como evitá-las”, que contou com a participação de profissionais e especialistas do setor, como a Cristina do Canto Alonso, Gestora Financeira de OVB Allfinanz Espanha S.L., Álvaro Peñalba, Managing Partner Emana Solutions, Alexandre Cid, vice-presidente de ADESMAD (Associação de Docentes de Economia de Madrid), e Afonso Sainz de Baranda, CEO da Dinaru.
Em linha com os dados apresentados, os palestrantes compartilharam experiências e dicas para conseguir chegar ao final do mês de forma mais solto. Destacamos algumas de suas contribuições, por exemplo, Cristina do Canto destacou a importância de não ter o dinheiro parado na conta-corrente que não nos forneça nenhuma rentabilidade, bem como a importância de ter objetivos financeiros que nos motivem a economizar.
Por seu lado, Alexandre Cid indicou a importância das famílias, tanto na educação financeira para evitar cair em más decisões financeiras.
Nosso CEO, D. Sainz de Baranda, destacou a existência de barreiras passivas que nos levam a tomar decisões fáceis, mas que não melhoram as nossas finanças pessoais.
Para terminar, Álvaro Peñalba pôs de manifesto indica a importância de ter uma pessoa de confiança, como um consultor, que te ajude a tomar a decisão financeira.
Você pode ver a mesa redonda aqui.
Por último, também entregamos o cheque para a vencedora do sorteio de uma hipoteca/aluguel que realizamos, Vitória Serrano. ¡¡Parabéns!!

Como você pode ver, uma quinta-feira muito o que tivemos ontem em Dinaru, ??

Deixe um comentário