O Esporte como uma Ferramenta de Superação Pessoal

Nestes tempos atuais, muitos concordaram em que o tempo não nos alcança para nada, que não podemos nos divertir ou praticar essa atividade que tanto gostamos. Também, talvez, você concorda que, no entanto, se temos tempo para ir a um shopping e passar tempo comprando. Ou talvez, nós passamos um bom tempo em frente ao computador conectados com o mundo virtual.
Que tal se esse tempo passar em uma medicina natural, como é o desporto? Com efeito, a prática de esportes é um dos melhores remédios tanto para nue
stra saúde mental como a física. Mas não só isso, mas que o hábito do esporte pode transformar-se nessa âncora. Uma âncora que nos ajude a sair de nossos problemas e a crescer a cada dia como pessoas.
Compartilhamos algumas dicas que podem te ajudar, se você estiver em um momento de sua vida em que você deseja uma verdadeira mudança.
Como capitalizar ao máximo o esporte
Em seguida, deixamos um resumo das principais experiências de atletas e profissionais da saúde:
Pensa em um esporte que você goste. Começa com o pé direito, ou seja, realmente escolhe uma disciplina esportiva que você gosta. Se você é um apaixonado por esportes em equipe, não escolher correr, por exemplo, pois vai ficar entediado em pouco tempo. Quando fazemos o que realmente gostamos e, por mais sacrifícios que isso implique, no final, sempre o teremos.
Começa com a sua saúde. Antes de praticar uma atividade que implique um esforço físico importante, consulte o seu médico. Muitas pessoas subestimam este ponto, e acham que sempre fazer esporte é bom. Às vezes, um determinado tipo de exercício físico pode ser contraproducente para uma doença. Inclusive, você pode sofrer de algum distúrbio de saúde que desconozcas. Plantéale ao seu médico qual é o seu plano e consúltale sobre que tipo de controles você deve fazer.
Estabelece uma rotina e seja disciplinado com ela. Para que verdadeiramente desfrutamos das vantagens de praticar um esporte, temos que ser constantes. Está provado que começar com uma atividade física, e abandoná-la e torná-la a retomar, gera muita frustração.

Veja metas e objetivos a curto e médio prazo. Este ponto é fundamental e não só no esporte. Os seres humanos precisamos quantificar objetivos e metas, pois desta forma saberemos com precisão para onde queremos chegar. Suponha que você gosta de atletismo e decide começar a praticar, para correr uma maratona. O primeiro objetivo que você pode estabelecer, por exemplo, seria a quantidade de quilômetros quer correr dentro de algum tempo. Em seguida, você pode estabelecermo-um tempo-limite objetivo para correr essa quantidade de quilômetro. Neste sentido, os especialistas sugerem o estabelecimento de metas gradualmente e não muito ambiciosos. Passo-a-passo.
O esporte acompanhado duplamente bom. O que queremos dizer com isso? Que escolher um grupo ou de um companheiro para praticar uma atividade física é uma excelente ideia. Não só te ajudará a realizá-la, mesmo quando você estiver desanimado, mas que entrará ou melhorar os vínculos pessoais. Eis um dos grandes valores do esporte: o trabalho em equipe. Mesmo se você pratica um esporte como o tênis, formar um bom time com o teu adversário te ajudar. Porque não é só uma questão de competência, mas de um espaço e de um tempo compartilhado.
No caso de crianças e adolescentes está provado que o esporte é um meio perfeito para aprender a lidar com os fracassos. O “perder” significa um sentimento de frustração e fracasso que todos devemos aprender a lidar.
Por todos estes valores que o esporte transmite-nos e, se você está atravessando um momento difícil em sua vida, recomendamos que você se aproxime ao esporte. Não apenas o seu tempo demora de uma forma mais agradável, mas que você vai aprender muito. Cientificamente, existem evidências que abalan o esporte como uma atividade que nos faz sentir mais felizes.
Artigo por: Marisa Peris

Receba os Nossos artigos em sua caixa de correio electrónico. Junte-se a nossa comunidade, é grátis.

Nome

Endereço de email: