Isso é o que você precisa saber sobre os empréstimos pessoais

Há muitas ocasiões em que desejaríamos ter um extra de liquidez para resolver um assunto pendente ou comprar um produto que sempre quisemos. Por exemplo, comprar um carro ou uma moto, reformar nossa casa, fazer uma viagem de sonho ou realizar os estudos que nos ficaram pendentes. Nestas situações, podemos recorrer a empréstimos pessoais, mas em muitas ocasiões, nos oferecem algumas características dos créditos que fazem com que descartar esta ideia ao instante. Por isso, no próximo artigo, mostramos alguns truques que nos ajudam a conseguir o dinheiro que queremos com as melhores condições.
3 truques para obter os créditos ao consumo mais competitivos
Se nós decidimos solicitar um empréstimo pessoal para cumprir com um objetivo claro, há vários aspectos do produto que temos que conhecer e saber escolher para ter certeza de obter as melhores condições possíveis e adequados ao nosso perfil e necessidades:
Localizar e comparar através de ferramentas apropriadas: é importante que saibamos como aproveitar o tempo na hora de escolher um empréstimo, ou seja, que possamos dispor de toda a oferta de empréstimos pessoais, instantaneamente e de forma mais cómoda. Para isso, contamos com os comparadores de créditos online.
Olhar sempre na TAE: para saber o custo final que pago o empréstimo pessoal, devemos observar a TAE, já que este indicador é o que engloba todos os custos como as comissões, dos produtos vinculados, e assim por diante.
Ter em conta o prazo: é fundamental que saibamos que quanto maior o prazo de reembolso, mais juros serão geradas sobre o capital concedido, mas as probabilidades são mais reduzidas. Ou seja, em prazo maior de tempo, pagaremos um valor menor a cada mês, mas o montante final será mais elevado.
No entanto, se não estamos seguros de poder fazer frente a um crédito com uma taxa muito elevada, é preferível que selecionemos uma mais condicionada, ainda vamos acabar pagando mais, já que, caso contrário, podemos cair em um calote.
Além dessas dicas, é importante que sempre que decidimos solicitar empréstimos pessoais, o façamos por uma necessidade real e com a certeza de poder cumprir com as condições do contrato, sem quebrar a nossa situação económica.
Empréstimos com juros abaixo da média
Já comentamos que para saber o custo final que pagaremos por empréstimos pessoais, é fundamental que olhemos para indicar TAE. Assim, podemos tomar como referência a TAEG média dos créditos em Portugal no passado mês de janeiro, que se situa em um 8,68 %, para saber se o empréstimo que vamos pedir é barato ou caro.
A seguir, mostramos 3 empréstimos que se encontram abaixo deste valor, pelo que podemos concluir que são baratos, e que, além disso, nos oferecem diferentes vantagens em relação às suas condições e requisitos:
Produto Montante Taxa de juro Mais info

Crédito Projeto Cofidis Até 15.000 € Desde o 4,95 % TIN (5,06 % TAE)

Solicitar

Empréstimo pessoal Cetelem Até 50.000 € Desde o 5,95 % TIN (6,12 % TAE)

Solicitar

Empréstimo Plano Bigbank Até 15.000 € Desde o 6,74 % TIN (6,95 % TAE)

Solicitar

Deixe um comentário