Escolha um banco sem comissões e poderá ganhar 3.000€ para a sua aposentadoria

Dito assim parece um pouco forte, mas é a verdade.
Com a crise financeira, a redução dos empréstimos concedidos pelos bancos e com o aumento da inadimplência, têm que tirar os rendimentos por outro site, com o qual as comissões por serviços são revisados para cima de forma unilateral pela entidade, quando lhe convém, já que é a primeira coisa que têm à mão para conseguir aumentar seus lucros ou reduzir suas perdas.
Se você está procurando um banco para abrir uma conta você deverá analisar todas e cada uma das possíveis comissões que você vai cobrar banco para os serviços que utiliza e que fiquem todas impressas em um contrato do qual se traslade cópia assinada pela entidade para a sua casa, já que em caso de uma possível subida de parte do banco do valor que cobramos, o único que te permite romper relações com a entidade é um documento assinado por ela, com outras condições diferentes das aplicadas.
O que normalmente fazem os bancos é subir o valor das comissões e entender que, se não você se queixa, é que está de acordo. O que acontece é que muitas vezes não nos queixamos por adiamento ou desconforto, já que, se mudarmos de banco e conta, vamos ter que mudar todos os recibos que nós temos domiciliados o que é um aborrecimento e acabamos aceitando as novas condições, a contragosto.
O primeiro é saber por que conceitos se pode cobrar comissões um banco. Basicamente por 4 produtos:
Os empréstimos hipotecários.
Os créditos pessoais e ao consumidor.
As contas correntes, contas de poupança e depósitos a prazo.
Os cartões de crédito e débito.
Onde você se cobra taxas de um banco
Os empréstimos hipotecários
Todos, inclusive você, mais cedo ou mais tarde você acaba passando pelas mãos do cartório para assinar a hipoteca de sua casa.
Poucas são as instituições financeiras que não cobram comissão de abertura por lhe dar o dinheiro, mas ainda existem. Não há muito o habitual era pagar entre 0,25% e 0,50% da quantidade solicitada. Agora o normal é não sair do 1% do valor da hipoteca. Se vamos a um banco que não cobre taxa de abertura da hipoteca, já que, por exemplo, você tem a folha de pagamento e recibos domiciliados na entidade, a economia que se supõe o não pagar esta taxa é de 1.200 reaispara uma hipoteca média de 120.000 reais.
É raro que não cobre algo, não obstante o banco, com o qual se conseguimos que nos dão como antes, entre 0,25% e 0,50% pela comissão de abertura, a economia oscila entre os 600 e os 900 reais.
Olho com as comissões por alterações na operação. Se quiser modificar alguma coisa, prazo, tempo, valores, etc., ou bem quiser cancelar de forma antecipada, os bancos aplicam uma comissão. A economia que você pode ter pode ser considerável dependendo do que você deseja alterar, se a comissão por esse muda fosse zero.
Os créditos pessoais e ao consumidor
É um caso semelhante ao anterior, mas no qual, além de cobrar taxa de abertura, costumam cobrar também uma comissão por despesas de estudo, os quais muitas vezes são um mistério por que os cobram.
Antes destes empréstimos foi concedido com taxas de 0,50%, como muito do que 1%, enquanto que a média atual está por volta de 2%, segundo tenho observado em comparadores de produtos financeiros como Bankimia ou iAhorro. Este ponto de diferença em um empréstimo ou crédito pessoal meio que você pediu de 15.000 reais, o que representa uma economia de cerca de 150 reais, que se você conseguir que não se dão nada, se iria a uma poupança de 300 reais.
“3029”]
As contas correntes, contas de poupança e depósitos a prazo
Os depósitos a prazo ou em contas de poupança não costumam ter comissões a menos que sejam de cessação antecipada. E, neste caso, se você quiser cancelar antes de tempo, um depósito, o habitual é que acabar perdendo todos os interesses e que não afetem o capital inicial.
Mas aqui se incluem dentre os produtos mais perigosos, em termos de comissões, como são as contas correntes. Aqui você pode cobrar por tudo:
Comissão de administração e manutenção, que pode ser mensal, trimestral, semestral ou anual.
Comissão por apontar, cada aponte para a conta tem um custo.
Interesses por descoberto, por conseguinte, recomendamos que você não ficar no vermelho nunca. Lembre-se que a ferramenta de Dinaru te avisa quando você está em perigo de entrar no vermelho.
Despesas de correio, que, apesar de serem cêntimos, muitos e-mails representam muitos cêntimos e, no final, muito dinheiro a perder.
As comissões sobre as contas variam muito em valor, dependendo de cada banco, mas o normal é que se movam entre os 15 reaispor trimestre e os 50 reaissemestrais, com um máximo de 150 reaispor ano.
Contratar uma conta que não tem custo nenhum tipo corresponderia a uma poupança anual médio de cerca de 75 reais, mais as despesas de correio, o que nos deixaria cerca de 100 reaispor ano.
Os cartões de débito e crédito
Outro dos pontos que você deve olhar com cuidado. Muitas entidades não cobramos nem por cartão de débito ou de crédito sempre que domicilies da folha de pagamentos, por exemplo. Sabe por acaso qual é a comissão, em caso de, por qualquer circunstância, alterar a folha de pagamento de entidade.
Os cartões de débito costumam ter um custo que se move por 9 reaisde emissão ou renovação anual, enquanto que no cartão de crédito sobe bastante, mas em média andam por 30 reais, emissão e manutenção.
Se você conseguir que não se cobrar pela emissão ou renovação, uma média de 39 reaispor ano, você poderá economizar.
Também se cobra pelo uso dos cartões em outros caixas. Veja qual é o seu uso e analisa se compensa tirar dinheiro de um caixa eletrônico de uma outra entidade ou dar um passeio ao caixa mais próximo de seu banco para isso.
No total, você economiza…
Resumindo, se você tem 40 anos e quiser se aposentar aos 65 anos, vamos ver o dinheiro que você economize, se não pagaras comissões. Para o cálculo tivermos em conta que o cliente do tipo que pede uma hipoteca e um empréstimo ao menos ao longo de sua vida, possui conta corrente, algum depósito e uso de placas.
Economia por meio da assinatura de hipoteca: 600 reais.
Economia por meio da assinatura de um crédito pessoal: 150 reais.
Contas, depósitos e contas de poupança: supondo um custo anual de cerca de 75 reaisentre manutenção e administração, durante 25 anos, daria uma economia de em 1875 reais.
Cartões de débito e crédito; emissão e renovação durante 25 anos, daria 225 reaisem cartões de débito e de 750 reaisem cartões de crédito. O uso de cartões em outros caixas que se dão em média, por ano de 6 reaissignificaria uma economia se não se cobrasen nada de 150 reais.
Um total de 3.750 reais, e contando com que, em qualquer caso, a poupança é médio, já que algo sempre pode cobrar, mas menos do que denominam padrão.
Você poderia reformar-se com 3.000 reaisno bolso sem nenhum problema se tivesse optado por uma entidade que carregue 0€ de comissões por produtos e/ou serviços.
Agora é a sua vez
Como está o corpo? Imagino que ficará bastante surpreso com a quantidade de dinheiro que você pode economizar se você se importa de procurar um banco que não cobre comissões. Você já sabe que qualquer dúvida que tenha teremos o maior prazer em ajudá-lo.

Deixe um comentário