Como montar um negócio de serviços ao menor custo possível

Dizem que vamos para um mercado de trabalho de profissionais multidisciplinares, independentes conectados em rede. Onde você terá não um, se não vários chefes e alguns clientes ou parceiros, com os quais fazer colaborações pontuais.

Se digo a verdade, não sei como será o emprego dentro de dez anos. Mas de uma coisa que tenho certeza é que esse emprego estável em uma grande empresa, que é alta e acababas jubilándote, passo a história há muito tempo.

Por essa razão muitas pessoas como você, decidiu não voltar a depender de uma única fonte de renda e montar um negócio por conta própria.

Cada vez há mais pessoas com estudos universitários, que não encontra seu eco nas demandas de emprego do tecido empresarial. E por essa razão, às vezes depois de algumas breves experiências trabalhando para outros, chega o momento de começar a montar uma empresa ou um negócio próprio.

Mas um dos principais obstáculos que você pode estar dilatando essa decisão, são os custos e a barreira de entrada que representa montar um negócio do zero. Não obstante dar os primeiros passos, não tem por que ser assim. Conto-Te algumas ideias de como montar um negócio de serviços ao menor custo possível.

É claro que a primeira coisa que você deve ter é uma ideia. Normalmente, você pode lançar-se a oferecer os seus serviços profissionais, aproveitando a experiência de sua passagem por alguma empresa. Às vezes não é necessário inovar. Com fazer o mesmo que os outros, mas com um toque pessoal e diferenciándote por seu estilo ou a paixão que você dar ao seu negócio, pode ser mais do que suficiente.

Outro tema que gera muitas dúvidas, é decidir montar um negócio, se você colocar como autônomo ou constituis uma SL ou SLU. Eu acho que você deve começar como freelancer. Mas não porque montar uma empresa é muito mais caro. É mais uma questão de simplicidade.

No final, o dinheiro que você colocar para contribuir com o capital de constituir a sociedade e você pode usar para as suas despesas da atividade. Mas claro, você tem que ter, no mínimo, esses 3.000€. E depois também você vai ter que dar alta em autónomos e você não vai pagar taxa reduzida. Para isso súmale o assessor para levar as contas e os impostos. Com o que mais de gasto sim.

O tema do autônomo é muito mais simples e permite-lhe estar nos dois primeiros anos com uma taxa reduzida. Se quiser montar um negócio com o menor custo, escolha esta opção e você sempre poderá criar sua empresa mais tarde. A empresa é um pouco mais aconselhável para quando fazer o check-in mais e se você acha que é conveniente separar o seu patrimônio pessoal a responsabilidade de sua atividade profissional.

Quando falo com as pessoas sobre montar um negócio, muitas pessoas me perguntam sobre o tema da sede social ou do espaço em que podem receber de seus clientes, organizar uma reunião, um curso ou um espaço de trabalho comum, pontualmente.

Tudo depende de o que você dedique. Mas não é necessário ter desde o minuto um local ou um escritório onde começar a trabalhar. Ao contrário, se você vai dirigir a clientes por todo o território nacional, você pode estar interessado ter a flexibilidade de poder deslocar-se para organizar um curso, uma reunião ou sessão de trabalho. Alugar salas de reuniões em Barcelona, Madrid ou qualquer grande cidade não é muito complicado. E você pode mover uma imagem muito poderosa fazendo uso deste tipo de instalações, sem necessidade de ter uma localização fixa e com um orçamento apertado.

Por outro lado, há a questão da sede social. Imagine que prestas serviços como tradutor e professor de idiomas para executivos ou qualquer outra atividade alternativa que se lembrar que não necessariamente tem que ter um escritório. Mas sim que precisa de uma imagem e um estabelecimento comercial, em que receber sua correspondência, etc.

Bem, isso se pode conseguir com um escritório virtual, que oferecem centro de negócios www.granviabc.com ou semelhantes, onde, além de uma sede social, se podem fazer serviço de atendimento telefônico, com desvio de chamadas. Tudo que você precisa para projetar uma imagem profissional, sem a necessidade de manter os custos fixos importantes.

Uma coisa muito importante que você deve ter clara ao montar um negócio, é que, na medida do possível delegues todas as funções que eu perco tempo de sua atividade. Já que o resto são coisas que tem que fazer, mas o que realmente ganha dinheiro é com as horas que faturas. Para isso, obviamente, tem de fixar uma tarifa adequada. Mas acima de tudo trata de montar uma estrutura flexível, que não se condicione, nem te empurre para assumir dívidas.

Antes que tudo isso é muito importante trabalhar em fase de pré-lançamento. Ou seja, eu não me lançaria o vazio com zero de clientes para começar com tudo isso. Trabalhou durante um tempo em paralelo com a ideia de projeto que você quer desenvolver, antes de se inscrever. Bem, pelo menos já terá uma pequena bolsa de clientes e um rendimento mínimo.

Enquanto isso, uma coisa que não deve faltarte na hora de montar um negócio de serviços, é um posicionamento online, com uma página da web ou melhor ainda um blog. Certamente a maioria de clientes virão a ti do mundo offline, mas cada vez mais muita gente procura na internet e se você não está bem, está localizado na rede, talvez você esteja deixando um monte de mercado fora de suas possibilidades.

Uma seção sobre, onde explicar quem você é, um guia de serviços onde conte o que você faz e que referências você tem. E por sua vez um formulário de contato e a possibilidade de que se possam comprar ou contratar a partir da internet. Uma estrutura assim, feita por você mesmo e com um acabamento minimamente profissional, não te custará mais de r $ 200. Se, mais tarde, as coas vão bem, pois você terá tempo de contratar alguém para que pula a sua presença online.

Não se pode faltar também uma linha de celular e uma conta de e-mail profissional. Para poder ser evita começar a prestar serviços com o seu telefone e seu e-mail pessoal. Você terminará dando esses meios de contato para muitas pessoas e com os meses será muito difícil mudar essas referências para não perder o negócio. Além de que é uma simples forma de poder desligar-se do trabalho, quando quiser e precisar, além de separá-lo de sua vida pessoal.

Como vê, não precisa de muito dinheiro para montar um negócio de serviços profissionais. Embora se que eu recomendo que antes de fazê-lo, juntar um pouco de dinheiro para não embrenhar-se economicamente se vem de uma sequência ruim, ou se você não consegue arrancar.

Deixe um comentário