Como conseguir a liberdade financeira e realizar seus sonhos na vida

Você já se perguntou alguma vez quanto tempo você poderia viver sem trabalhar se perdieses seu emprego? Você já sonhou alguma vez com ter dinheiro suficiente para dedicar alguns anos a fazer o que você realmente quer na vida? Gostaria de deixar um emprego frustrante, mas não consegue, porque te sufocam as dívidas? Fique com uma ideia, se você tem liberdade económica, você pode fazer tudo isso e muito mais.

Será que estou ficando velho ou que estou passando por uma crise existencial, mas cada vez sinto mais que vivemos em uma armadilha de dinheiro criada pela sociedade e a nossa miopia financeira.

Se supiésemos desde antes de começar a nossa vida de trabalho, o importante são as decisões que tomamos sobre as nossas finanças pessoais e algo sobre os benefícios de alcançar a liberdade econômica, a certeza de que poderíamos viver muito mais felizes e evitaríamos muitos problemas que, em seguida, condicionam o nosso futuro.

Sei que posso soar um pouco idílico, mas para conseguir a liberdade econômica não precisa ser milionário, simplesmente você tem que tomar as decisões sobre dinheiro adequadas no momento certo. Quer saber mais?

Olha, se eu digo a verdade, desde muito jovem sempre fui um apaixonado das finanças, dos mercados e de todo esse mundo de poder que tem o dinheiro à sua volta. Mas com o passar dos anos, através da minha experiência, o trabalho, os estudos e todos aqueles livros lidos, eu fui desencantando dessa ideia convencional das finanças que nos metem pelos olhos, desde o primeiro momento.

Eu não vou abrir um debate sobre tudo isso, você pode falar e escrever muito, mas não é a ideia sobre o que eu quero que você reflita. O que quero dizer-te é que você tenha muito cuidado com o estilo de vida que você escolhe, porque há erros na vida que depois custa muito mudar.

Acho que já não terá 20 anos e, possivelmente, tenha caído nos mesmos problemas que os outros também cometemos antes. Esse hipotecón que se amarga da existência, aquele capricho de carro que mal lhe fazes 10.000 Km por ano, esse apartamento na praia ou naquela investimento tão desastrosa por fazer caso seu amigo ou porque se julgou Gordon Gekko. Calma, tenha a idade que tiver, nem tudo está perdido.

A liberdade financeira é como uma janela na vida que você pode abrir durante um tempo, para fazer o que realmente te dê a ganhar tendo o controle de suas finanças, se economiza o suficiente e não comete erros evitáveis com o dinheiro.

No outro dia eu chamava por telefone de um amigo e me perguntou: “que tal está?” e eu vou e respondo, “bem, poderia ser pior, mas posso dar graças por viver um dia a mais”. O que meu amigo me respondeu, “mas macho, isso dizem os velhos, o que é que se passa?”.

Não se nega que o mesmo estava animicamente um pouco afetado por circunstâncias, mas a moral de tudo isso que eu lhe digo é que o amanhã não é garantido para ninguém. Nem que tenha de 30, 50 ou 65. De modo que a cada dia que se levanta é um presente que você deve aproveitar da melhor forma que for que você acredite e possa.

Você sabe o triste que é um bom dia, tomar consciência de que, apesar de que pode levar a uma forma de vida envidiada por pessoas de seu ambiente, se descobre em uma vida vazia e que não enche nada?

A que aspiras? O que você tem? O status social? Um bom trabalho? O vestir roupas de marca? Você está vivendo em uma área cara de sua cidade? Você conduz um carro bom? Você se relacionar com pessoas importantes? E, no final, depois de tudo isso que você é feliz?

Sim, não duvido, tenho a certeza que lhe custou muito trabalho e sacrifício para chegar onde esta e conseguir o que ganhou. Mas acima pode nem sequer chegar a esse ponto tenha um pouco de liberdade econômica. E talvez o futuro de seus filhos também não esteja segurado ou a sua saúde. E você trabalha em algo que não gosta.

Então, por que não mudar tudo isso? Olho, nem estou falando de viver como um miserável, nem de viver o dia. Isso não é liberdade económica. O que te proponho é que, partindo de um determinado escalão de rendimentos, comece a gerar uma poupança com o que criar ativos sobre os quais se apoia a sua independência financeira futura. É evidente que não há milagres, tudo leva um tempo. E depende do que você quer.

De um tempo a esta parte tenho me interessado muito por esse assunto, e faço o possível por conseguir minha própria liberdade econômica, para viver durante um tempo alguns sonhos que rondam a minha cabeça, enquanto a saúde e os anos acompanham.

Poderia continuar com esta ideia muito mais, pois tem o seu miolo, não acredito que não. Mas se você se interessa pelo assunto, vou recomendar um ebook gratuito que desenvolve este tema. Há muita literatura sobre como viver uma vida de sonho, com receitas que as próprias pessoas que o escreveram, nunca puseram em prática. Por isso, é importante saber distinguir o trigo do joio. E se há algo que eu gosto nesta publicação, é que é perfeitamente realizável.

DOWNLOAD GRÁTIS “TRÊS DECISÕES PARA SER FINANCEIRAMENTE LIVRE”

O autor desse eBook, Luís Pita, que ficou famosa há alguns anos, com um livro sob o título “Tem pior carro que seu vizinho” que tratava dessas ideias a partir de um ponto de vista mais prático e realista. Você pode dar uma olhada nos comentários e críticas do livro. Taxa de mim mesmo se pode servir-lhe de ajuda.

Como fecho a única coisa que posso dizer é que quanto mais cedo acorda de seu pesadelo zumbi em que vivemos. Procura outro foco e motivação, se você trabalha para os outros ou tenta criar o seu próprio negócio. Mas nunca se acomode. Se você não fizer por você, faça isso por seus filhos. O que esperas para alcançar a sua liberdade financeira?

Deixe um comentário