3 empréstimos grátis para um plano de última hora na Semana Santa

Nesta Semana Santa, prevê-se que se aumentem as reservas de viagens em até 10 % com relação ao ano de 2016, de acordo com a Associação Empresarial de Agências de Viagens Especializadas (Acave), a Direcção-Geral de Viação prevê quase 15 milhões de deslocamentos durante estes dias e o Ministério do Turismo calcula que a ocupação hoteleira alcance o 85,3 %. Se estamos procurando um plano de última hora para aproveitar os dias de descanso que nos oferece a Páscoa, os empréstimos grátis nos permitem obter um extra de liquidez para uma escapadela improvisada que poderemos retornar em maio, sem pagar nada de juros.
Ofertas de última hora para créditos sem juros = o combo perfeito
Um pequeno truque para procurar pechinchas de última hora e desfrutar de uma pequena viagem é com sites como Deskontalia ou LastMinute, que oferecem pacotes de férias para esta época do ano para diversos destinos nacionais e internacionais com preços que podem ir de 150 € e com descontos de até 35 % para Semana Santa. Estas ofertas de última hora, nos permitirão obter um plano de última hora sem pagar muito. Além disso, com os empréstimos grátis poderemos obter um extra de liquidez em cerca de 15 minutos para a fuga
Empresa Quantidade máx. Oferta promocional Me interessa

Vivus

Até 1.000 €
Até 300 € novos clientes

Até 300 € por 0 % TAE para os novos clientes

Fechar

CréditoMas

Até 900 €
Até 300 € novos clientes

Até 300 € por 0 % TAE para os clientes novos

Fechar

NetCredit

Até 600 €
Até 300 € novos clientes

Até 300 € por 0 % TAE para os novos candidatos

Fechar
Devemos levar em conta que para poder desfrutar destes empréstimos sem juros, devemos ser novos clientes e cumprir com todos os requisitos da oferta, caso contrário, nos aplicam os juros normais do empréstimo e não serão gratuitos.
Com estes empréstimos se encontramos um pacote de férias com uma oferta de última hora com os empréstimos rápidos poderemos pagá-lo no momento em que o encontramos, já que vamos receber o dinheiro de imediato, e devolvê-lo em maio, quando termina o prazo sem pagar nada por honorários ou comissões.
Sem juros, créditos, mas ao fim e ao cabo
Os empréstimos grátis podem permitir-nos obter um extra de liquidez para poder dividir as despesas de um mês, com mais movimento, em dois meses, ou seja, se iremos gastar 500 € nesta Semana Santa, nós podemos usar 300 € de nossas economias e solicitar 200 € ao credor para, assim, reembolsar estes 200 € por mês seguinte. Desta forma evitamos ter um grande gasto em um único mês. Não obstante, devemos ser conscientes de como eles funcionam e de que, embora sejam gratuitos, continuam créditos que devemos devolver.
Ainda que se trate de empréstimos grátis com os que não teremos que pagar juros para conseguir dinheiro a crédito, contratar empréstimos significa endividar e vamos reembolsar o capital do crédito em um único pagamento, em prazo que não excederá 30 dias. Isto significa que, se pedimos empréstimos rápidos para esta Semana Santa, vamos reembolsar o dinheiro que tenhamos pedido em um único pagamento em maio. Desta forma, se pedimos 300 € hoje, dentro de um prazo máximo de 30 dias, teremos que devolver 300 € para a entidade.
Antes de solicitá-las, mesmo se são empréstimos sem juros, devemos estar completamente seguros de poder fazer frente ao seu reembolso no prazo acordado, sem que isso desequilibre as finanças do mês.

Deixe um comentário